Roberto Lima nasceu em Pedra Corrida, Minas Gerais e vive nos Estados Unidos desde 1984. Jornalista e escritor, publicou Colosso Ciclone e Tango Fantasma.

Notícia531
janeiro, 2020
  • Conflitos sonoros

    Tenho sofrido muito com o gosto musical de minha filha caçula, a Clarice. Mal chega da escola, ela l ...

  • Porque hoje é quinta-feira

    Acordei no horário de sempre, preparei café e parece que algo está acontecendo à minha volta. Tem se ...

  • Polícia mineira

    (Para o Seu Antonio, meu pai) Meu saudoso pai era policial em Minas Gerais. Era soldado da PM. Aliás ...

dezembro, 2019
  • Por quem os sinos dobram

    Terei conhecido Raul Seixas? Eu tinha 16 anos e fazia um bico em um restaurante de posto de gasolina ...

  • O mundo não acabou

    O pastor evangélico disse ter recebido uma mensagem direta do Chefe e anunciou que deste fim de sema ...

  • Pais e filhos

    Será que dizemos a palavra não o suficiente aos nossos filhos? Será que explicamos às nossas criança ...

novembro, 2019
  • Topázio 149

    (Para o Wellington Barbosa Gonçalves, o Gagau) Aquele menino tinha tesouros que valem mais que ouro. ...

  • As tigresas de Livingston

    Lá em São Raimundo, onde vivi a mais feliz das infâncias, futebol era coisa de menino. Menina brinca ...

  • O Passageiro do silêncio

    Tudo se torna um desassossego. A comida fica ruim, o apetite some. Os ponteiros do relógios viram in ...

  • Bom mesmo é ser cachorro

    O cão sempre foi o melhor amigo do homem. De uns tempos para cá começou a haver reciprocidade. E o r ...

Mostar mais publicações