Roberto Lima nasceu em Pedra Corrida, Minas Gerais e vive nos Estados Unidos desde 1984. Jornalista e escritor, publicou Colosso Ciclone e Tango Fantasma.

Notícia494
Abril, 2019
  • O mel das coisas

    Vamos falar do mel das coisas boas. De mais encontros e menos despedidas. Mais delírios e menos porr ...

  • Uma estranha invenção do homem

    “A maioria dos homens vive vidas de silencioso desespero” ― Henry Thoreau   As mãos espalmadas ...

  • Fujona

    Não tive um único bichinho de estimação na infância. Pedi, mas papai dizia que havia tantos vira lat ...

Março, 2019
  • Bolsonaros, calados, são poetas

    A polêmica (mais uma!) começou em Washington, na fala do filho, o deputado federal Eduardo Bolsonaro ...

  • Dona Socorro e o estojo de lápis de cor

    Chegamos a São Raimundo em 1967. Nasci em Pedra Corrida – 44 quilômentros acima -, mas fomos ...

  • O gosto doce

    Fui alfabetizado por uma velhinha que, diziam as más línguas, teria sido prostituta na juventude. Ba ...

  • Acabou não acabando

    Muito se falou, muita gente ficou esperando a chegada de Cristo para o julgamento final, mas ficou t ...

Fevereiro, 2019
  • Brasileiro Reclama De Quê?

    Estou sempre recebendo emails com correntes de oração, promoções, piadinhas, videos do youtube e out ...

  • Carnaval, o Túmulo do Samba

    A letra da antiga cantiga diz que quem não gosta de samba não é bom sujeito. E que é ruim da cabeça ...

  • Isabela voou

    Será que ela tinha uma boneca Hello Kitty? Assistiria Bob Esponja na televisão? Gostaria de A Bela e ...

Mostar mais publicações