Adolescente brasileira luta contra Leucemia Linfoide Aguda

Foto1 Maria Eduarda Adolescente brasileira luta contra Leucemia Linfoide Aguda
Maria Eduarda, de 15 anos, está reagindo bem ao tratamento, mas há inúmeros pacientes que necessitam do transplante de medula óssea (Foto: Facebook)

Maria Eduarda está sendo submetida a sessões de quimioterapia para evitar o transplante de medula óssea

A brasileira Maria Eduarda é uma adolescente de 15 anos de idade e que foi diagnosticada com Leucemia Linfoide Aguda. Atualmente, ela está sendo submetida a sessões de quimioterapia para evitar o transplante de medula óssea. A jovem está reagindo bem ao tratamento, mas há inúmeros pacientes que necessitam da solidariedade de um amigo desconhecido para sobreviver.

“Registrem-se, ajudem! Seja um possível doador de medula óssea, você só precisa: ter entre 18 e 44 anos, residir nos EUA (não importa o status migratório), entrar no link: join.bethematch.org/saveme e se registrar! É gratuito e você pode salvar a vida de alguém! Se você reside no Brasil, basta procurar o hemocentro mais próximo de você e se registrar!” Encorajou o ativista Roosevelt Ramos, coordenador da ONG Icla da Silva.

. Brasileiros no exterior:

A base genética brasileira é muito diversa, em virtude das várias etnias que compõem a população, portanto, é importante que cada vez mais brasileiros se cadastrem como possíveis doares de medula óssea. Para efetuar o registro é necessário que os interessados preencham os seguintes requisitos: Tenham entre 18 e 44 anos. O registro é gratuito e não importa o status migratório. Necessita residir nos USA. O registro pode ser feito online: join.bethematch.org/saveme. Registre-se como um possível doador de medula óssea pelo telefone: Envie mensagem de texto: Cure135, para: 61474.

O provável doador necessita residir nos USA. Em uma semana, o interessado receberá em sua residência um envelope selado com um kit para o teste genético. Basta fazer a fricção dos cotonetes na parte interna da bochecha e colocar na caixa do correio, explicou Roosevelt, coordenador da Fundação Icla da Silva nos EUA.

“Estamos perdendo nossas crianças e adultos por falta de solidariedade. Ajude a salvar uma vida!” Encorajou o ativista. Mais informações podem ser obtidas através do tel.: (407) 276-4860, falar com Roosevelt Ramos ou do e-mail: [email protected]

“Através da nossa solidariedade, podemos salvar muitas vidas! Sejam candidatos a heróis da medula óssea”, concluiu o ativista.

Os residentes no Brasil podem procurar os hemocentros mais próximos de suas residências.

 

Related posts

Comentários

Send this to a friend