Aprovada proposta de tirar nome de Trump da “Calçada da Fama”

Foto22 Estrela de Trump Aprovada proposta de tirar nome de Trump da “Calçada da Fama”
A estrela do Presidente Trump na Calçada da Fama já foi vandalizada diversas vezes

O Conselho Municipal de West Hollywood City (CA) votou a favor por unanimidade pela remoção da homenagem

A homenagem já foi destruída com uma machadinha e marreta, mas agora o Conselho Municipal de West Hollywood City votou a favor da remoção da estrela com o nome do Presidente Donald Trump da Calçada da Fama de Hollywood. O painel votou por unanimidade a decisão encorajando o Conselho Municipal de Los Angeles e a Câmara de Comércio de Hollywood a remover a estrela, anunciou o Prefeito John Duran, numa postagem no Twitter na segunda-feira (6).

O Conselho enviará uma carta formal ao prefeito de Los Angeles, Eric Garcetti, o Conselho Municipal de Los Angeles e a Câmara de Comércio de Hollywood para avaliarem a remoção. Entretanto, conforme um comunicado emitido pela Câmara, é pouco provável que isso aconteça:

“A Calçada da Fama de Hollywood é um monumento histórico registrado. Uma vez que uma estrela tenha sido adicionada à Calçada, ela é considerada parte da história da Calçada da Fama de Hollywood, em virtude disso, nós nunca removemos uma estrela da Calçada”, explicou Leron Gubler, presidente e CEO da organização.

Os membros do Conselho Municipal, John D’Amico e Lindsay Horvath, apresentaram a petição pedindo a remoção da estrela de Trump. A homenagem ocorreu em 2007 devido ao papel dele no concurso de beleza Miss Universo. O pedido atual é decorrente do “tratamento preocupante dele no que diz respeito às mulheres e outros atos que não condizem com os valores compartilhados pela Cidade de West Hollywood, a região, o estado e o país”.

“Possuir uma estrela na Calçada da Fama é um privilégio altamente procurado por aqueles na indústria do entretenimento, portanto, permitir que o Sr. Trump tenha uma estrela em face ao comportamento dele no que diz respeito às mulheres, particularmente nos movimentos #timesup e #metoo, não devia ser tolerado na indústria do entretenimento em Hollywood”, declara a resolução.

Devido ao fato de a Calçada da Fama, que contém 2.500 estrelas, ser de propriedade da Prefeitura de Los Angeles, a cidade tem a palavra final. A homenagem a Trump já sofreu alguns ataques. Um homem atacou a estrela com uma marreta um mês antes das eleições presidenciais de 2016 e em julho desse ano ativista utilizou uma machadinha para tentar destruí-la.

 

 

Related posts

Comentários

Send this to a friend