Batidas do ICE afetam “todos” os indocumentados em NJ

Foto22 Prisao ICE Batidas do ICE afetam “todos” os indocumentados em NJ
As batidas migratórias têm afetado até os indocumentados que moram em cidades pequenas em New Jersey

O Presidente Trump assinou um decreto de lei que criminaliza todos os indocumentados

Numa série de batidas migratórias realizadas em New Jersey ocorridas no período de 5 dias, os agentes do Departamento de Imigração (ICE) detiveram 101 pessoas as quais as autoridades alegam estarem de forma irregular nos EUA. As prisões ocorreram em grande parte do território no estado. Apesar de o maior número de detenções ter ocorrido nos condados de Essex, Hudson, Camden e Middlesex, o ICE acrescentou que outros estrangeiros foram presos nos condados de Atlantic, Bergen, Burlington, Cumberland, Mercer, Monmouth. Morris, Passaic, Somerset e Union.

Lori Nessel, diretora da Escola de Direito & Justiça Social da Seton Hall University, detalhou que, apesar da maioria das prisões em New Jersey terem ocorridos nas cidades  mais populosas, “é perceptível que agora existam imigrantes enfrentando a deportação até nas cidades menores”.

De fato, dados recentes acessados pelo Transactional Records Access Clearinghouse (TRAC), um grupo de pesquisa sem fins lucrativos com sede na Syracuse University, referentes aos casos migratórios que transitam nos tribunais, mostrou aqueles que enfrentam a deportação em todo New Jersey. Esses dados revelam que os afetados não vivem somente em centros urbanos que tradicionalmente abrigam comunidades imigrantes.

Tais dados, os quais o TRAC disse que foram baseados na análise detalhada de milhões de arquivos que cobrem cada caso de deportação iniciado pelo Departamento de Segurança Nacional (DHS), foi obtido através do Freedom of Information Act (FIA) a pedido do Escritório Executivo de Revisões Migratórias (EOIR), uma unidade do Departamento de Justiça  que fiscaliza os tribunais administrativos.

Os moradores em Newark representam o número maior de casos pendentes, 3.151, seguido por Elizabeth, com 1.896, e Plainfield, com 1.490. Entretanto, há casos que surgiram em Lakewood, Kearny, Hackensack, Fairview, Long Branch, Perth Amboy e Cliffside Park, onde mais de 200 moradores em cada cidade com casos pendentes nas Cortes de imigração.

Semana passada, o ICE informou que a operação de 5 dias em New Jersey teve como foco os criminosos estrangeiros e os acusados de burlarem as leis migratórias. As autoridades alegaram que a maioria dos detidos, com idades que variam de 20 a 71 anos, possuíam antecedentes criminais, embora não detalhassem as acusações que eles enfrentam.

Nessel alertou que as batidas atuais não discriminam e afetam mães, crianças, enfermos e até aqueles que possuem laços profundos com as comunidades, ou seja, todos eles são passíveis de deportação a qualquer momento. O Immigrant Defense Project (IDP) denunciou que o ICE tem usado repetidamente “mentiras, acusações exageradas e descrições errôneas dos históricos das pessoas na tentativa de justificar as batidas imorais e inconstitucionais”.

A ONG, com sede em Nova York, detalhou que alguns dos detidos pelo ICE se tornaram prioridade de deportação por ofensas cometidas há muitos anos; embora tivessem dado a volta por cima e reconstruído a vida.

 

Related posts

Comentários

Send this to a friend