Booker usa legalização da maconha em campanha eleitoral

Foto18 Cory Booker Booker usa legalização da maconha em campanha eleitoral
Na semana anterior, Booker enviou um e-mail de arrecadação de fundos no mesmo dia em que reintroduziu a legislação que põe fim à proibição federal da maconha

O Senador Federal de New Jersey concorrerá à disputa presidencial em 2020

Um dia depois que o Senador Cory Booker apresentou uma proposta abrangente para reformular ainda mais o sistema de justiça criminal, o candidato presidencial democrata em 2020 disse aos apoiadores.

“Os níveis de justiça na América nunca foram equilibrados, mas se pudermos nos unir para aprovar essa legislação, poderemos finalmente restaurar a justiça ao nosso sistema judiciário”, disse Booker (D-NJ), na sexta-feira (8). “Isso é o que significa sonhar alto. Levante sua mão para dizer que você apoia meu plano e vamos levantar nossas vozes juntos”.

Na semana anterior, Booker enviou um e-mail de arrecadação de fundos no mesmo dia em que reintroduziu a legislação que põe fim à proibição federal da maconha.

“Essas leis fragmentam as comunidades, destroem as famílias e nos tornam menos seguros, portanto, é hora de consertarmos este sistema quebrado”, dizia o e-mail. “Preciso de sua voz sobre isso, assine hoje e junte-se à chamada para a legalização da maconha”.

Ao introduzir tais projetos, Booker tem sinalizado suas prioridades legislativas e a necessidade de dinheiro para concorrer à presidência.

“Qualquer legislador que estiver sentado vai buscar apoio para a sua agenda”, disse Ben Dworkin, diretor do Instituto para Políticas Públicas e Cidadania da Rowan University. “Se ele estivesse concorrendo à reeleição, estaria fazendo o mesmo pedido de apoio ao trabalho que ele tem feito em Washington”.

Ainda assim, a apresentação de projetos de lei e o pedido de doações não combinam para alguns setores do governo.

“Eu gostaria que ele não apresentasse simultaneamente a legislação e depois a utilizasse como veículo de captação de recursos”, disse Craig Holman, lobista do Public Citizen. “O processo legislativo deve, pelo menos, estar à distância do processo de captação de recursos”.

Com tantos democratas na disputa, e possivelmente mais por vir, um teste inicial de sua viabilidade será a quantia que eles poderão levantar até o final de março. Esses números junto à Comissão Eleitoral Federal têm até 15 de abril como prazo.

Em dezembro de 2018, Booker desempenhou um papel importante na aprovação da proposta que forneceu alternativas para o encarceramento de infratores não violentos e aos que já estavam presos a oportunidade de serem liberados mais cedo. Ele foi um dos primeiros defensores da remoção da maconha da lista federal de substâncias controladas, onde está desde 1970, ao lado da heroína, ecstasy e LSD. A proposta acabaria com a proibição federal e caberia aos estados criar suas próprias políticas sobre a maconha.

 

Related posts

Comentários

Send this to a friend