Valadares é a primeira cidade de MG a emitir o novo passaporte

O novo documento começa a ser emitido segunda-feira

Governador Valadares, no Vale do Rio Doce, será a primeira cidade do interior do estado a emitir o novo passaporte. O documento de cor azul, com 16 novos itens de segurança e já com os padrões do Mercosul, é apontado pela Polícia Federal (PF) como opção para frear a ação dos falsificadores na região e que estão ligados à imigração ilegal. A PF acredita que cerca de 40 quadrilhas especializadas em levar clandestinamente pessoas para os EUA e Europa atuem nessa área do estado.
O novo documento começa a ser emitido segunda-feira, conforme assegurou a chefe do Setor de Passaportes da Polícia Federal, Conceição Farias. Nesta semana, os funcionários estão sendo treinados e o setor também passa por adaptações para receber o sistema informatizado de emissão do documento. “Valadares é a primeira cidade do interior a expedir o novo passaporte em razão do alto índice de documentos solicitados. Proporcionalmente, o município emite mais passaportes por dia do que Belo Horizonte. Entre 2004 e 2005, tivemos média diária de 250 solicitações do documento, superando demandas de cidades como São Paulo e Rio de Janeiro”, disse.
A delegacia de Valadares atende 114 cidades da região e, todos os dias, a fila vai até o lado de fora da sede da instituição. De acordo com o delegado Rui Antônio da Silva, a cidade ainda faz parte de um contexto de falsificação de documentos que tem ramificações por várias partes do Brasil e do Vale do Rio Doce. Mas a incidência do crime vem diminuindo nos últimos anos em razão das operações realizadas pela PF e pelo desinteresse na emigração para os Estados Unidos. “Com certeza, esse novo documento será um elemento a mais de segurança, que vai inibir a ação dessas organizações criminosas que ainda atuam na região. É claro que as falsificações ainda ocorrem, mas a freqüência é bem menor do que há cinco anos por uma série de fatores. O principal deles é que os EUA fecharam as fronteiras e, dessa maneira, é quase impossível entrar ilegalmente no país, que financeiramente também deixou de ser tão atraente”, comentou o delegado.
O novo passaporte, que será emitido na Casa da Moeda, deverá ser entregue no prazo de 15 dias. Mesmo com a implantação do novo modelo, ninguém será obrigado a renovar o documento de imediato. Os vistos emitidos nos passaportes antigos ou passaportes expirados continuam a valer normalmente. A única recomendação é que o passaporte antigo seja apresentado junto ao novo, no momento da checagem migratória tanto no Brasil, como no exterior. “As pessoas podem usar normalmente o passaporte de cor verde. Só precisam prestar atenção na data de validade. Depois do prazo expirado, o documento perde sua validade”, explicou Conceição.

Related posts

Comentários

Send this to a friend