Brasileira luta contra a leucemia na Flórida

Foto34 Rebecca Neto Brasileira luta contra a leucemia na Flórida
Rebecca Neto, de Deerfield Beach (FL), foi diagnosticada com “leucemia mieloide citogênica aguda” (Foto: Família)
Foto34 Rebecca Neto  1024x1024 Brasileira luta contra a leucemia na Flórida
Rebecca está internada num hospital na Flórida, enquanto aguarda o transplante de medula (Foto: GoFundMe.com)

Rebecca Neto foi diagnosticada com a doença no dia do aniversário e internada em 4 de julho

No dia do aniversário, Rebecca Neto, de 23 anos, moradora na cidade de Deerfield Beach (FL), foi diagnosticada com “leucemia mieloide citogênica aguda” e precisará se submeter a um transplante de medula óssea, após o tratamento quimioterápico. Ao invés de receber presentes ou soprar a velinha do bolo, a jovem, nascida nos EUA e filha de imigrantes brasileiros, teve que ser internada em um hospital local no feriado de 4 de julho para que o tratamento fosse iniciado o mais breve possível.

A doença provoca a falta de todos os tipos de células maduras no sangue, consequentemente, aumentando a suscetibilidade à infecções, anemia, cansaço, fraqueza e propensão a hemorragias. Outros sintomas da leucemia incluem febre, perda de peso e pode ocorrer em qualquer faixa etária. Rebecca tem um irmão mais velho, Patrick, trabalhava e estudava antes de adoecer, segundo sua tia, Vivi Rocha. Ela descreveu a sobrinha como uma pessoa alegre, simpática e que possui bastantes amigos.

. Campanha beneficente:

Rebecca terá que ser transferida para um hospital especializado em transplantes de medula, entretanto, ela não possui seguro de saúde, portanto, tendo que arcar com as despesas e, caso não pague adiantado, ela corre o risco de não ser aceita no hospital particular. Em virtude disso, foi lançada no sábado (8) no website GoFundMe.com a campanha beneficente: https://www.gofundme.com/fighting-high-risk-lukemia, cujo objetivo é angariar US$ 1 milhão que serão utilizados para as despesas médicas de Rebecca. Até a noite de terça-feira (11), haviam sido arrecadados US$ 12.699.

“Olá, o meu nome é Rebecca, tenho 23 anos e no dia do meu aniversário dei entrada no hospital. Em 4 de julho, fui diagnosticada com leucemia mieloide citogênica agura de alto risco e, então, precisarei de um transplante de medula óssea depois do tratamento quimioterápico. Entretanto, eu não tenho seguro de saúde, portanto, terei que ser transferida para outro hospital especializado nesse tipo de transplante. Isso sairá do nosso bolso e, caso eu não possa pagar algo adiantado, não serei aceita nesse hospital particular. Eu estou atualmente sendo submetida a 24 horas de quimioterapia supervisionada e não posso sair do hospital devido ao meu estado imunológico. Caso alguém tenha perguntas, me contate diretamente. Eu preciso de toda ajuda que conseguir pessoal”, postou Rebecca no GoFundMe.com.

Qualquer interessado pode participar desta nobre causa e ajudar a salvar vidas. Visite a pagina de internet da Fundação Icla da Silva: www.icla.org ou ligue gratuitamente para o telefone 1-888-638-2870 para ser voluntário, fazer doações financeiras ou se registrar como possível doador: http://join.marrow.org/salvandovidas.

 

Related posts

Comentários

Send this to a friend