Brasileiro acusado de estupro nos EUA pode estar em Portugal

Foto3 Cristiano Fernandes de Lira Brasileiro acusado de estupro nos EUA pode estar em Portugal
Em maio, Cristiano Lima é acusado de sequestro e estupro com agravantes e não compareceu à audiência (Foto: Redes sociais)

Cristiano Fernando é suspeito de ter abusado sexualmente de uma mulher embriagada no interior de uma garagem em Abington (MA)

Conforme informações recentes recebidas pela redação do jornal Brazilian Times, relatos de moradores do município de São Geraldo do Baixio (MG), revelam que existe um indivíduo identificado como “Cristiano Fernandes de Lira”, que entrou há pouco tempo ilegalmente nos EUA, com a filha dele de menor de idade. Ainda, de acordo com um brasileiro que também mora neste país, houve uma incidência semelhante com esse Cristiano Fernandes, o qual possivelmente pode ser a mesma pessoa acusada de estupro em Abington (MA).

As afirmações feitas por pessoas que conhecem Cristiano, alegam que ele estaria usando documentos falsos na tentativa de enganar as autoridades estadunidenses.

. Entenda o caso:

O paradeiro de Cristiano Lima, acusado de ter levado de carro uma mulher embriagada à uma garagem em Abington (MA) e a estuprado, na véspera do Natal em 2018, é desconhecido depois que o réu não compareceu à audiência no tribunal. O brasileiro estava agendado para comparecer, na quarta-feira (10), na Corte Superior de Brockton (MA). Ele foi acusado em maio de sequestro e estupro com agravantes.

Um funcionário no tribunal informou ao juiz que Lima pode ter fugido dos EUA para o Brasil.

Outro réu envolvido no caso do brasileiro, Marcos Domingos, alegou inocência com relação às acusações de sequestro e estupro com agravantes na Corte Distrital de Brockton, em março. Ele foi liberado sem a cobrança de fiança.

Após a audiência preliminar na Corte Superior, Domingos, foi agendado para comparecer ao tribunal na manhã de quarta-feira (10), mas a sessão foi suspensa porque as autoridades não conseguiram encontrar um tradutor de português.

Domingos é acusado de ter feito sexo com a vítima na mesma noite que Lima a teria estuprado; uma acusação que ele nega.

A Corte Distrital de Brockton não divulgou dados do Departamento de Polícia detalhando o suposto estupro.

 

Related posts

Comentários

Send this to a friend