Brasileiro é acusado de agredir namorada e filho dela

Foto19 Corte Distrital de Framingham 1024x768 Brasileiro é acusado de agredir namorada e filho dela
Na quarta-feira (15), José Freitas, de 30 anos, compareceu a Corte Distrital de Framingham (MA) (Detalhe)

José Freitas estava em companhia da namorada e o filho dela, quando decidiu disciplinar o menino de 3 anos por mal comportamento

Na sexta-feira (10), o imigrante José Freitas, de 30 anos, teria agredido e beliscado uma criança e ameaçou a mãe do menino quando ela disse-lhe para parar, disse um promotor público da Corte Distrital de Framingham (MA), na quarta-feira (15). A polícia prendeu o suspeito na tarde de segunda-feira (13), sob a acusação de agredir a namorada e o filho dela de 3 anos de idade, disse a Promotora Pública Francesca Cone, durante a audiência de Freitas.

O brasileiro estava em companhia da namorada e o filho dela, na Second St., em Framingham (MA), quando ele decidiu disciplinar o menino por mal comportamento, detalharam as autoridades.

“O réu continuou a espancar as nádegas (do menino) e beliscar partes do corpo dele”, disse Francesca. “A mãe disse a Freitas para parar, mas ele se recusou e disse-lhe: ‘Se você se meter no meio, eu bato em você também”.

A mãe, que está na sétima semana de gravidez, tentou parar José. Ele agarrou o braço dela com força suficiente para deixar marcas e a jogou do outro lado do cômodo, acrescentou Cone. A criança não tinha ferimentos aparentes.

A mulher saiu da casa com o filho e contatou a polícia. Além disso, ela compareceu na Corte Distrital de Framingham e obteve uma “ordem de afastamento” (Restraining Order). A polícia prendeu Freitas na segunda-feira quando cumpriam a ordem de afastamento. Ele foi acusado de violência doméstica contra uma mulher grávida e agressão contra uma criança.

Cone pediu à Juíza Jennifer Stark para manter José preso sob a fiança de US$ 5 mil e ordenar que o réu não tenha contato e permaneça distante da mulher e o filho dela. A advogada de Freitas, Bridget Bradley, pediu a liberação do cliente. Ela alegou que o incidente ultrapassou a proporção e questionou se Freitas sabia que a namorada estava grávida.

Stark determinou que José fosse mantido detido sob a fiança de US$ 1.500 e ordenou que ele obedecesse a ordem de afastamento da mulher e que não a contatasse. O réu terá que retornar ao tribunal em abril para a audiência preliminar.

 

Sobre o autor

O jornalista Leonardo Ferreira é formado em Comunicação Social pelas Faculdades Integradas Hélio Alonso – FACHA, sediada no Rio de Janeiro - RJ.

Related posts

Comentários

Send this to friend