Confeiteiro gera polêmica por biscoito do “muro”

Foto22 Biscoito Construa o muro Confeiteiro gera polêmica por biscoito do muro
A cliente que postou a foto no Facebook alegou que era inapropriado fazer graça do tema

A imagem da guloseima foi compartilhada no Facebook e viralizou

Ken Bellingham, o confeiteiro em Washington que gerou polêmica ao decorar alguns biscoitos com a frase “Build that wall!” (Construa o muro, em inglês) para o Dia dos Namorados retirou a desculpa que havia anunciado semana passada. Ele alegou que as pessoas deveriam “não levar tão a sério” o assunto.

“Eu deveria ficar quieto porque eu não posso escrever aquilo que eu quero ou eu posso somente escrever o que eles querem ou os fazem felizes?” Questionou Bellingham ao canal de TV KOMO. Ele acrescentou que não estava “desculpando-se” pelo incidente. “Não, não é assim. Eles podem escrever o que quiserem nos biscoitos deles e eu posso fazer o mesmo com os meus”.

Bellingham também alega que, uma vez que os biscoitos dele se tornaram virais, a padaria dele, localizada em Edmond (Wash.), tem sido inundada de pedidos. “Eu tenho tanto clientes novos”, disse ele ao Edmond News, acrescentando que sequer consegue dar conta das encomendas. Semana passada, o confeiteiro postou uma mensagem no Facebook na qual informava que não tinha capacidade de enviar biscoitos, mas que “agradecia imensamente” os clientes dele pelo “apoio incondicional”.

No final de janeiro, a cidade de Edmond tornou-se centro de controvérsia quando uma cliente postou nas redes sociais a imagem um biscoito numa vitrine com os mesmos dizeres (Construa o muro!). Entretanto, Bellingham disse ao King-TV que escreveu a frase somente num biscoito     que ele pôs em exposição. Ao lado deste biscoito havia frases menos polêmicas como “Querida” e “Viciado em amor”.

“Eu tento ser engraçado”, disse ele. Posteriormente, ele se desculpou e acrescentou que construir um muro ao longo da fronteira com o México é algo que não apoiaria de qualquer forma. “Eu não acho que a construção de um muro irá resolver os nossos problemas”, acrescentou ao canal.

Entretanto, a cliente que postou a foto no Facebook alegou que era inapropriado fazer graça do tema e disse a King-TV que ela sentiu que a frase era geralmente usada por “supremacistas brancos” e a “extrema direita”.

O confeiteiro detalhou que ele agora está produzindo os biscoitos com os direitos “Construa o muro!” por uma decisão comercial, mas que não é necessariamente apoiador da proposta do Presidente Trump.

No sábado (2), a padaria também compartilhou uma foto de vários biscoitos numa forma com os dizeres “Construa o amor”.

 

Related posts

Comentários

Send this to a friend