CVS tira Zantac das prateleiras devido a componente cancerígeno

Foto27 Zantac  CVS tira Zantac das prateleiras devido a componente cancerígeno
A companhia ressaltou que a medida era cautelosa e que o Zantac não foi oficialmente banido pelas autoridades de saúde

Quantidades pequenas do cancerígeno “N-nitrosodimethylamine” (NDMA) foram encontradas nos produtos a base de “ranitidine”

A rede de drogarias CVS Health Corp. não venderá mais o popular remédio contra azia Zantac. A decisão foi tomada depois que resíduos de um conhecido componente cancerígeno foi encontrado em alguns dos produtos pela US Food & Drug Administration (FDA).

No sábado (28), a companhia informou a suspensão da venda de Zantac, assim como seus próprios produtos genéricos contendo “ranitidine”, tendo como base “abundância de cautela”, enquanto o FDA continua as avaliações.

Quantidades pequenas do cancerígeno “N-nitrosodimethylamine” (NDMA) foram encontradas nos produtos a base de “ranitidine”. O cancerígeno também foi encontrado em alguns remédios consumidos para controlar a pressão sanguínea, levando à falta dos produtos no mercado.

As autoridades federais de saúde não estão instruindo as pessoas para pararem de consumir o remédio, até o momento.

“Os níveis que o FDA está encontrando no ranitidine resultantes de testes preliminares excedem muito pouco a quantidade encontrada em alimentos comuns”, informou a CVS através de um comunicado, frisando que os remédios não foram oficialmente banidos e que as autoridades de saúde ainda estão avaliando se os níveis baixos de NDMA representam riscos à população em geral.

 

Related posts

Comentários

Send this to a friend