Empresas apresentam 8 protótipos de muros a Donald Trump

Foto2 Muros na fronteira dos EUA2 1024x349 Empresas apresentam 8 protótipos de muros a Donald Trump
Protótipos dos muros
Foto2 Muros na fronteira dos EUA1 1024x348 Empresas apresentam 8 protótipos de muros a Donald Trump
Protótipos dos muros

Os modelos, em tamanho natural, estão sendo montados no deserto nos arredores de San Diego (CA)

O futuro da polêmica cerca prometida pelo Presidente Donald Trump, isolando fisicamente os EUA do México, já pode ser vislumbrado em modelos massivos instalados no deserto da Califórnia. O canal de TV NBC News teve acesso a 8 protótipos novos montados ao longo de uma cerca já existente na divisa dos dois países nos arredores de San Diego (CA). Esses modelos têm o prazo de quinta-feira (26) para ficar prontos.

Quatro dos protótipos são feitos de concreto e estão competindo pela oportunidade de serem usados em determinadas porções do muro. Já os outros 4 modelos são feitos de outros materiais e competem para ser usados em trechos que permitem ver através deles. Todos eles têm altura entre 18 pés (5.48 metros) e 30 pés (9.14 metros).

Após o prazo de quinta-feira, cada modelo será testado em por vários critérios, informaram as autoridades. “Nós iremos testar a possibilidade de ultrapassagem; no que diz respeito ao aspecto subterrâneo”, disse Roy Villareal, chefe interino da Patrulha da Fronteira (CBP) do Setor de San Diego. “Nós podemos cavar por baixo? Poderemos quebrar e atravessar?  Como nós podemos escalá-la?”

Conforme um modelo divulgado pelos representantes do CBP, o muro de Trump foi retratado como uma barreira de vários detalhes composta por um uma cerca de concreto voltada ao lado americano e outra cerca vazada voltada para o lado mexicano. A zona de monitoramento teria 150 pés (45.72 metros)  de largura e sensores alertariam os patrulheiros caso alguém ultrapassassem a barreira inicial.

Mesmo com os protótipos quase prontos, a questão sobre como os EUA financiarão toda a obra ainda permanece uma incógnita. Trump tem dito repetidamente que o México pagará a conta; com o país vizinho rebatendo a mesma quantidade de vezes que não o fará.

A proposta da Casa Branca para o orçamento de 2018 busca US$ 1.8 bilhão para o início da construção de vários trechos do muro e substituição das estruturas antigas, que também incluiria verba para a construção de 28 milhas de cerca no Rio Grande Valley e 14 milhas para a construção de um novo muro para substituir as cercas antigas ao sul de San Diego (CA). As autoridades na Casa Branca calcularam que todo o projeto custaria entre US$ 8 bilhões a US$ 12 bilhões. Entretanto, um setor do Departamento de Segurança Nacional (DHS) calcula que o custo pode ser ainda mais alto, atingindo até US$ 21 bilhões.

Apesar das dimensões faraônicas, vários especialistas especulam se tal muro será efetivo. Villareal reconheceu ser difícil “prever” se essa estrutura massiva baixará para níveis históricos as detenções ao longo da fronteira. “Sempre ocorrerá alguma forma de crime ou, nesse caso, a imigração clandestina”, comentou.

Já os moradores do lado mexicano foram mais objetivos. “Eu não sei porque o Donald Trump está tão obcecado com esse gasto desnecessário de dinheiro”, questionou Pedro Murillo, que tentou atravessar clandestinamente a fronteira na adolescência, durante entrevista ao canal NBC News no lado mexicano da fronteira. “Porque sempre haverá uma forma de atravessar”.

Related posts

Comentários

Send this to a friend