EUA terão mais voos para o Brasil

Foto4 Embarque no aviao EUA terão mais voos para o Brasil
Serão 144 frequências semanais entre outubro de 2018 a abril de 2019, somados aos que já operam entre o Brasil e destinos no exterior (Foto: Infraero)

Os voos garantidos partirão de países como Israel, Itália, Holanda, Portugal, França, Reino Unido, Argentina, Bolívia, Equador, Chile, Paraguai e EUA

O Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur) estima que, nos próximos seis meses, o Brasil ganhe 54 novos voos e 44 frequências, o que deve, segundo nota divulgada pelo instituto, possibilitar “maior conectividade do exterior para os destinos turísticos brasileiros e, consequentemente, dá novo impulso ao turismo”.

Os dados são da Análise da Malha Aérea Internacional da Diretoria de Inteligência Competitiva e Promoção Turística do Instituto, preparada mensalmente, a partir de informações fornecidas pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), Panrotas e companhias aéreas.

De acordo com o estudo, os voos garantidos partirão de países como Israel, Itália, Holanda, Portugal, França, Reino Unido, Argentina, Bolívia, Equador, Chile, Paraguai e Estados Unidos. Ao todo, serão 144 frequências semanais, entre outubro de 2018 a abril de 2019, somados aos que já operam regularmente entre os destinos internacionais e o Brasil.

O estudo registra, também, que durante o mês de outubro de 2018 houve acréscimo de 2,30% na oferta mensal de voos em comparação ao mesmo período de 2017 (5.138 para 5.256 frequências mensais) e, ainda, um acréscimo nos assentos de 5,53%, passando de 1.154.696 para 1.218.526.

De acordo com Joaquim Neto, analista de Inteligência Competitiva da Embratur, o aumento é consequência “das mudanças de equipamentos das empresas aéreas” e do “aumento expressivo” na procura dos turistas para o nosso País”. “A aviação é um elemento essencial para a atração de turistas ao Brasil. Os voos diretos facilitam e geram maior interesse do visitante internacional, que procura conforto e variedade nas ofertas”, disse o representante do Instituto.

No ano passado, eram 1.160 voos semanais partindo dos continentes e, neste ano, já são 1.187 no mês de outubro. A América Latina continua sendo a região que mais oferta viagens para o Brasil. Atualmente, são 659 frequências semanais diretas. Em seguida, Europa (245), América do Norte (208), África (42) e Ásia (33).

 

Related posts

Comentários

Send this to a friend