Indocumentado é acusado de estuprar menina em NJ

Foto16 Edgar Mendoza  Indocumentado é acusado de estuprar menina em NJ
Edgar Mendoza está detido no Centro de Correções do Condado de Mercer

Edgar Mendoza teria invadido uma casa em Chambersburg à 1:30 da madrugada

O guatemalteco Edgar Mendoza, de 32 anos, morador em Trenton, é acusado de abusar sexualmente uma menina de 6 anos, depois que o pai da criança o encontrou na cama com ela no meio da madrugada, informou a polícia. Ele invadiu uma casa na cidade de Chambersburg na noite de terça-feira (3), acrescentaram as autoridades.

O pai da criança percebeu que a luz do 2º andar da casa estava apagada e foi verificar. Quando ele entrou no quarto da filha, se deparou com um homem, identificado posteriormente como Edgar, na cama com ela. O indivíduo se levantou, pulou a janela do 2º andar e fugiu a pé. Os policiais que responderam a ligação de emergência (911) do pai, à 1:30 da madrugada, que descreveu o suspeito, começaram a vasculhar a vizinhança. Os agentes prenderam Mendoza pouco tempo depois e ele foi acusado de invasão e abuso sexual com agravantes.

O aparelho celular do suspeito foi encontrado do lado de fora da casa da vítima, informou a polícia.

A Promotoria Pública do Condado de Mercer tenta manter o réu detido até o julgamento, entretanto, o Departamento de Imigração (ICE) já emitiu uma ordem de prisão em nome dele. O porta-voz da Promotoria, Casey DeBlasio, confirmou que o acusado está ilegalmente nos EUA. Até quarta-feira (4), mais informações sobre o status migratório de Mendoza não foram divulgadas. Arquivos revelaram que ele morava recentemente na Washington St.

Edgar está detido no Centro de Correções do Condado de Mercer. Ele é acusado de agressão com agravantes, pôr em risco do bem-estar de um menor de idade e invasão de residência. Na sexta-feira (6), ele compareceu à audiência preliminar e concordou em permanecer detido enquanto o caso está sendo revisto.

 

Related posts

Comentários

Send this to a friend