Lucas Mendes fala dos 25 anos de sucesso do Manhattan Connection

Foto14 Lucas Mendes Lucas Mendes fala dos 25 anos de sucesso do Manhattan Connection
“A gente faz o que gosta e o que a gente sabe fazer. E se o público gosta, nós ficamos felizes”, disse Lucas Mendes
Foto14 Manhattan Connection Lucas Mendes fala dos 25 anos de sucesso do Manhattan Connection
Equipe de apresentadores do programa Manhattan Connection, que celebra 25 anos

Programa da Globo Internacional celebra 25 anos de sucesso e “mantém” a fórmula inicial

O clima de celebração pelo aniversário do Manhattan Connection toma conta do estúdio da TV Globo em Nova York, quando o time relembra a trajetória do dominical, que leva o título de programa mais antigo da TV por assinatura no Brasil. O jornalista Lucas Mendes recorda profissionais que contribuíram para a formação do programa. Saudoso, relembra a morte do companheiro Paulo Francis, a saída de Nelson Motta e Arnaldo Jabor, e as entradas de Ricardo Amorim, Diogo Mainardi e do mais jovem integrante do time, Pedro Andrade. Na semana em que se prepara para gravar o programa comemorativo, Lucas Mendes concedeu entrevista ao BV.

 

BV: O Manhattan está celebrando 25 anos, são bodas de prata. Qual o segredo do programa para se manter sempre atual?

LUCAS MENDES: É não ter nem fórmula e nem segredo. A gente faz o que gosta e o que a gente sabe fazer. E se o público gosta, nós ficamos felizes. É sinal de que estamos no caminho certo.

 

BV: E como é a dinâmica entre vocês?  

LUCAS MENDES: A gente dá certo porque a gente nunca se vê! Ou por que só nos encontramos uma vez por semana. Estou brincando. Eu, Caio e o Pedro trabalhamos juntos em Nova York. E agora também adotamos um jantar semanal de trabalho que funciona muito bem. Nesses encontros, fazemos uma análise do programa anterior e nos preparamos para a nova semana de trabalho. Mas sim, temos uma boa relação pessoal e uma química boa. Também com o Diogo,  Ricardo e com a Angélica, que é indispensável.

 

BV: E quais são os planos daqui pra frente?

LUCAS MENDES: Manter a fórmula de não ter fórmula.

 

 

Related posts

Comentários

Send this to a friend