Metereologia prevê neve e frio intenso no fim de semana em NJ

Foto25 Removendo neve Metereologia prevê neve e frio intenso no fim de semana em NJ
A frente fria que está a caminho esta semana não é diretamente relacionada ao vórtice polar

A frente de ar frio do Ártico vindo do Canadá na quarta-feira (9) e ventos fortes aumentam a possibilidade da ocorrência de uma tempestade de neve

Os moradores em New Jersey devem preparar-se para dizer adeus àquelas temperaturas excepcionalmente quentes e pancadas de chuva esparsas que dominaram o clima no Estado Jardim durante as últimas semanas. Meteorologistas dizem que finalmente vai “parecer” inverno, pelo menos nos próximos dias, com a frente de ar frio do Ártico vinda do Canadá na quarta-feira (9) e ventos fortes. Tais fatores climáticos aumentam a possibilidade da ocorrência de uma tempestade de neve neste fim de semana.

Os modelos de orientação por computador têm sido altamente inconsistentes, com alguns projetando uma leve camada de neve na metade sul do estado e outros indicando maior quantidade de neve, talvez até 10 polegadas, ou até mais, na maior parte do estado.

Os especialistas enfatizam que é muito cedo para qualquer meteorologista ter uma boa noção da probabilidade de neve no fim de semana, especialmente com os modelos de computador demonstrando resultados tão distintos envolvendo fluxos diferentes de energia se movimentando na atmosfera.

“Neste momento, parece que uma grande tempestade está concentrada principalmente no sul (de New Jersey) e estamos à margem de uma nevasca”, disse Sean Rowland, meteorologista da WeatherWorks, com sede no Condado de Warren.

“Há a possibilidade de a frente fria se mover para o norte”, portanto, para New Jersey ter uma queda de neve maior, disse Rowland. No entanto, até o início da tarde de terça-feira (8), aparentemente, a região do Meio-Atlântico parece ser o principal alvo do sistema de tempestades no fim de semana.

Meteorologistas da AccuWeather dizem que estão observando a movimentação de dois sistemas de tempestades diferentes se moverem em direção à região neste fim de semana, ou seja, um na região dos Grandes Lagos e outro do sudoeste dos EUA. Os especialistas relatam que há a possibilidade de os dois sistemas se fundirem em um só, e, se isso acontecer, formará uma grande quantidade de neve e gelo através do Vale do Ohio até a Pensilvânia e o norte de New Jersey. Nesse cenário, a região norte do Estado Jardim terá neve pesada e a sul será mais brando, de acordo com os meteorologistas da AccuWeather.

Em sua última previsão, o escritório regional do Serviço Nacional de Meteorologia em New Jersey informou que a perspectiva de neve neste fim de semana é bastante incerta, mas, por enquanto, o “potencial para acumular neve existe para a noite de sábado (12) e domingo (13)”.

Os dados mais precisos envolvem a previsão para quarta-feira (9), que começará ameno, com temperaturas entre os 30º (-1º Celsius) e 40º (4º Celsius) graus de manhã e no início da tarde.  No entanto, as temperaturas cairão sensivelmente no final da tarde e noite, descendo para os 30º graus (-1º Celsius), mesmo no sul do estado. Ventos fortes com rajadas de até 35 mph a 39 mph farão com que a sensação térmica pareça 10º graus mais frio, informou o Serviço Nacional de Meteorologia.

Na quinta-feira (10), as temperaturas oscilarão entre os 30º (-1º Celsius) graus e 35º (1º Celsius) no sul de New Jersey e os ventos continuarão a ser fortes. Meteorologistas dizem que a temperatura mais baixa nas manhãs de quinta (10) e sexta-feira (11) cairão para 25º graus (-3º Celsius) e a mínima de sexta-feira cairá para 20º graus (-6º Celsius).

Embora tenha havido muita agitação sobre as partes do vórtice polar invadindo nossa região, trazendo temperaturas extremamente frias, especialistas em clima dizem que isso provavelmente acontecerá no final deste mês.

A frente fria que está a caminho esta semana não é diretamente relacionada ao vórtice polar. “Esta é apenas uma onda fria rápida, que faz parte do padrão de mudança global”, disse Steven DiMartino, meteorologista da Weather Concierge e NY NJ PA Weather Inc. “O vórtice polar troposférico, porém, é muito ao norte para ser conectado diretamente, mas o principal aquecimento estratosférico está por trás do padrão de mudança climática”.

 

Related posts

Comentários

Send this to a friend