Mulher oferecia sexo para roubar imigrantes em NJ

Foto4 Sarah Rodriguez e Marques Lee Mulher oferecia sexo para roubar imigrantes em NJ
Sarah Rodriguez e Marques Lee tinham como alvo homens latinos, acreditando que eles tenderiam a não denunciar os crimes às autoridades

Sarah Rodriguez, de 20 anos, fingia ser prostituta para atrair as vítimas, que eram agredidas e roubadas pelo namorado dela

As autoridades em New Jersey informou que uma mulher atraía homens, a maioria deles imigrantes, para um prédio abandonado com a promessa de sexo. Uma vez no local, o namorado dela agredia violentamente e roubava as vítimas. Os policiais acreditam haver mais vítimas que não denunciaram os ataques, possivelmente, com medo de deportação.

Conforme o Departamento de Polícia de Trenton, Sarah Rodriguez, de 20 anos, posava como prostituta, oferecendo sexo a homens em Trenton. Então, ela levava as vítimas a um prédio abandonado na Carroll St., mas proximidades do tribunal federal. Uma vez no local, os indivíduos não recebiam os serviços oferecidos, mas eram agredidos e roubados pelo namorado de Rodriguez, Marques Lee, de 32 anos.

A polícia detalhou que o casal focalizava em homens latinos, acreditando que eles tenderiam a não denunciar os crimes às autoridades.

Um estudo realizado em 2018 pela American Civil Liberties union (ACLU) revelou que os imigrantes são mais relutantes em denunciar crimes com medo que a atenção da polícia possa resultar em deportação. Inúmeros agentes de segurança e promotores públicos alertaram que o receio de deportação torna mais difícil a investigação de crimes sérios.

Além disso, a pesquisa indicou que esse medo tem aumentado depois dos casos envolvendo imigrantes indocumentados que foram presos quando compareciam à audiências nos tribunais em assuntos não relacionados à imigração. Um exemplo disto foi o caso de uma transexual detida pelas autoridades migratórias quando tentava conseguir uma ordem de afastamento (restraining order) contra o namorado abusivo dela ou um homem preso em Michigan (Ill.) por agentes da Patrulha da Fronteira num caso envolvendo custódia.

Com relação ao caso envolvendo Rodriguez e Lee, a polícia pede que outras possíveis vítimas do casal, acusado de roubo, porte ilegal de arma, sequestro e agressão com agravantes, denunciem. Os contatos podem ser feitos através do Departamento de Polícia de Trenton, tel.: (609) 989-4181.

 

Related posts

Comentários

Send this to a friend