Parque temático do México oferece “travessia clandestina” na fronteira 

Foto27 Parque Ecoalberto  Parque temático do México oferece travessia clandestina na fronteira 
O parque temático, localizado a 80 milhas ao norte da Cidade do México, vem oferecendo a atração desde 2004

Durante o “Night Walk”, os visitantes são guiados através de área montanhosa à noite e no escuro

As trilhas traiçoeiras para entrar clandestinamente nos EUA são repletas de perigos, pois os imigrantes se arriscam a morrer, serem sexualmente atacados e a separação dos entes queridos. Agora, por menos de US$ 20, os turista podem vivenciar essa jornada.

Enquanto o impasse envolvendo os imigrantes aglomerados na fronteira com o México, os visitantes que buscam passar por essa experiência podem pagar pela oportunidade de se tornar um imigrante durante a noite num parque temático no México. O Parque EcoAlberto em El Alberto divulgou online o “Caminhada à Noite” como um “conceito totalmente diferente e único” que permite aos visitantes experimentar uma entrada clandestina nos EUA, obviamente, sem os perigos reais.

O parque temático, localizado a 80 milhas ao norte da Cidade do México, vem oferecendo a atração desde 2004 e os participantes pagam US$ 17 ($350 pesos mexicanos) pela versão padrão e US$ 24 ($500 pesos mexicanos) para a versão “extrema” que demora 6 horas adicionais. Os participantes começam a jornada no interior de uma igreja católica, onde eles assistem a um discurso motivacional que descreve a atração como sendo a conscientização sobre o tema migratório e a geração de emprego aos residentes na região. Maribel Garcia, administradora do parque, disse ao canal de TV PBS em 2013 que a área enfrentou dificuldades no passado ao depender somente da agricultura e que o parque era visto como uma forma de criar empregos e manter as pessoas no México.

“O nosso objetivo é parar a imigração que existe entre os nossos cidadãos, principalmente do México aos EUA”, disse Garcia na ocasião.

Durante o “Night Walk”, os visitantes são guiados através de área montanhosa à noite e no escuro, onde eventualmente eles têm uma “grande surpresa” no final. Apesar de os visitantes não burlarem as leis migratórias, o parque tenta tornar a experiência o mais realista possível. Um vídeo de divulgação do parque mostra os visitantes sendo perseguidos uma viatura da Patrulha da Fronteira e o encontro com membros de um cartel.

Os representantes alertam que os interessados em participar da aventura devem estar em “boas condições físicas” e trajar roupas confortáveis. Já aqueles que não desejam participar, há inúmeras outras opções no parque, incluindo alpinismo e passeios de caiaque e bote no rio Tula. O parque temático também oferece cabines e áreas de acampamento aos visitantes durante a visita.

 

Related posts

Comentários

Send this to a friend