Promotor processa governo por “pergunta sobre cidadania”

Foto14 Eric Schneiderman Promotor processa governo por “pergunta sobre cidadania”
Eric Schneiderman representa 16 promotores públicos, 6 cidades e a Conferência dos Prefeitos dos EUA (Foto: Casino.org)

Eric Schneiderman apresentou a ação judicial junto à Corte Federal de Manhattan (NY)

Na terça-feira (3), o Promotor Público Estadual Eric Schneiderman apresentou junto à Corte Federal de Manhattan (NY) uma ação judicial que visa impedir que o Censo pergunte às pessoas se elas são cidadãs dos Estados Unidos. A Promotoria Pública apresentou o processo em nome de outros 16 promotores públicos, 6 cidades e a Conferência dos Prefeitos dos EUA. Eles alegam que tal pergunta resulte na contagem errada e, portanto, prejudicar a distribuição de verba nos estados que abrigam populações imigrantes volumosas.

A Constituição exige que o Censo conte “toda a população que reside em cada estado”. Entretanto, a administração Trump, como parte da postura radical com relação à imigração, quer acrescentar a pergunta sobre cidadania no Censo de 2020.

A Casa Branca alega que a decisão é necessária para a contagem mais exata dos não cidadãos e ajudaria no cumprimento do Voting Rights Act, o qual visa impedir fraudes nas zonas eleitorais.

 

 

 

Related posts

Comentários

Send this to a friend