Trump disse a Shinzo que enviaria 25 milhões de mexicanos ao Japão

Foto15 Zhinzo Abe e Donald Trump Trump disse a Shinzo que enviaria 25 milhões de mexicanos ao JapãoO Presidente usou o Japão como exceção no que considerou “problema migratório” na Europa

O Presidente Donald Trump surpreendeu os líderes mundiais no encontro do grupo G7, quando ele disse que enviaria “25 milhões” de mexicanos ao Japão; o que resultaria na derrota do Primeiro Ministro Shinzo Abe nas próximas eleições. Durante a reunião em Quebec, que terminou com Trump saindo mais cedo e se recusando a assinar o tradicional “joint comunique, ele abordou o que considerou problema migratório da Europa, quando voltou a atenção ao dirigente japonês.

“Shinzo, você não tem esse problema, mas eu posso te enviar 25 milhões de mexicanos e você estaria fora do cargo em muito breve”, teria dito Trump.

O Presidente dos EUA também surpreendeu quando o assunto mudou para Irã e terrorismo. “Você tem que saber sobre isso, Emmanuel, pois todos os terroristas estão em Paris”, disse ele ao presidente francês Emmanuel Macron.

“Uma sensação de irritação pairava no ar com relação ao Sr. Trump, mas todos tentaram ser racionais e manter a calma”, disse a fonte ao Wall Street Journal.

Trump chegou tarde ao encontro, saiu mais cedo e, posteriormente, atacou o primeiro ministro canadense, Justin Trudeau, de “fraco” depois que Trudeau rebateu que o Canadá retaliará as tarifas sobre o aço e alumínio importados pelos EUA.

Apesar de o Presidente ter insultado os aliados mais antigos dos EUA, ele unicamente teceu elogios ao ditador brutal norte-coreano, Kim Jong Um, após o encontro de ambos nessa semana, dizendo que ele era “um rapaz muito inteligente” e “um grande negociador”.

 

Related posts

Comentários

Send this to a friend