A primeira impressão é a que fica

Untitled A primeira impressão é a que ficaNa vida profissional, uma boa imagem pessoal é capaz de abrir portas, de ajudar a estabelecer confiança e de transmitir credibilidade. Contudo, construir uma imagem positiva requer atenção e conhecimento, especialmente sobre estética, etiqueta, ética e relacionamento interpessoal.

Observe, no dia-a-dia, o modo como as pessoas que transmitem uma boa imagem pessoal se vestem, se cumprimentam e conversam. Essas pessoas devem ser um espelho para você.

Manter uma imagem pessoal positiva faz bem para a sua vida pessoal e profissional, mas essa imagem tem de ser autêntica e coerente. Se a “embalagem” (aparência) não corresponder ao “conteúdo” (ser), todo o seu esforço cairá por terra. A correspondência entre “conteúdo” e “embalagem” é crucial quando se trata de credibilidade e credenciais. Há pessoas que aparentam possuir um vasto conhecimento sobre uma enorme gama de assuntos e, quando precisam falar de algum deles, o fazem com a profundidade de um pires. Isso abala a credibilidade delas. E credibilidade é assim: uma vez arranhada, leva tempo para ser restaurada.

As pessoas precisam ter uma percepção equilibrada a seu respeito. É certo que nem todos o enxergarão da mesma forma, mas é preciso evitar antipatias. Bom, mesmo, é que todos possam vê-lo como uma pessoa confiável, competente, ética e transparente. Assim, você será sempre bem recebido!

Dicas para a construção de uma boa imagem pessoal

  1. Identifique se a imagem que você transmite é positiva ou negativa e avalie sua participação em grupos e a facilidade com que se relaciona com desconhecidos para saber se a sua imagem está agradando ou não.
  2. Seja cordial, educado e agradável; cumprimente a todos, independentemente de seu nível hierárquico; tenha sempre um sorriso no rosto e as palavras “obrigado” e “por favor” na ponta-da-língua.
  3. Fique atento à sua comunicação verbal e não-verbal, evitando que seu corpo diga uma coisa e suas palavras, outra.

Vestuário é um dos principais componentes da sua imagem pessoal. Mais importante que ter dinheiro para gastar em vestuário é ter bom senso e aprender a se vestir corretamente, de um modo que revele o seu estilo e a sua personalidade e de acordo com o contexto para o qual você se veste. Portanto, seguem-se algumas regras básicas em relação a vestuário:

  • Formal: Terno e gravata para homens e terninho ou tailleur para mulheres.
  • Casual: Camisas com colarinho e manga longa, com calças de lã fria ou gabardine para homens, e twin-sets, camisas ou blusas de seda, com calças ou saias de lã fria ou microfibra para mulheres.
  • Esporte: O jeans é permitido, mas só o tradicional.
  • Sempre: Fuja de modismos e opte por peças de qualidade e caimento impecáveis, que proporcionem conforto e elegância na medida certa. Mantenha unhas, cabelos e barba bem feitos, refletindo sua higiene e preocupação com a aparência.
  • Evite: Roupas que não respeitem o nível de formalidade exigido, peças muito velhas, desbotadas ou malcuidadas. As mulheres devem evitar saias e vestidos curtos, blusas de alça ou muito decotadas, fendas profundas, brilho e transparências. Também devem evitar excessos de maquiagem, de perfume ou de acessórios. Homens devem evitar bermudas, cabelos sem corte e barba por fazer.

Seja autêntico! Vá além do primeiro encontro. Surpreenda as pessoas e prove que você cumpre o que promete. Aja sempre com ética, respeito, confiança e credibilidade e muitas portas se abrirão a você.

 

Dr. Lair Ribeiro — Palestrante internacional, ex-diretor da Merck Sharp & Dohme e da Ciba-Geigy Corporation, nos Estados Unidos, e autor de vários livros que se tornaram best-sellers no Brasil e em países da América Latina e da Europa. Médico cardiologista, viveu 17 anos nos Estados Unidos, onde realizou treinamentos e pesquisas na Harvard Unversity, Baylor College of Medicine e Thomas Jefferson University.

Webpage: www.lairribeiro.com.br

e-mail: lrsintonia@terra.com.br

Tel.: 11-3889.0038

 

Sobre o autor

Related posts

Comentários

Send this to a friend