Brasileiro é espancado e roubado na ida ao trabalho no Ironbound

Foto20 Ademir Severo da Costa Brasileiro é espancado e roubado na ida ao trabalho no Ironbound
Ademir Severo da Costa foi levado ao Hospital Universitário (UMDNJ), onde ficou internado por vários dias
Foto20 Ademir Severo da Costa  Brasileiro é espancado e roubado na ida ao trabalho no Ironbound
Ademir foi encontrado caído e ensanguentado por um colega de trabalho nas imediações das ruas Komorn e Niagara

Ademir Severo da Costa foi atacado por 4 indivíduos afro-americanos, na madrugada de terça-feira (31)

A onda intensa de violência que assola o bairro do Ironbound, em Newark, fez mais uma vítima na madrugada de terça-feira (31). O operário da construção civil Ademir Severo da Costa, de 37 anos, natural de Minas Gerais, foi barbaramente espancado e roubado por 4 indivíduos afro-americanos quando caminhava rumo ao trabalho. O ataque aconteceu aproximadamente às 4:30 am, nas imediações da esquina das ruas Komorn e Niagara, a pouco mais de um quarteirão da Wilson Avenue.

Segundo Maria, esposa de Ademir, ele caminhava em direção a Wilson Avenue para se encontrar com um colega e juntos pegarem carona na caminhonete, dirigida pelo patrão de ambos, para irem ao trabalho. Numa área mais escura da rua, o brasileiro foi atingido com uma pancada na cabeça forte na cabeça e caiu, sendo agredido pelos 4 indivíduos. Ele levou diversos chutes, especialmente na cabeça, e, quando não esboçava mais reação, teve os pertences roubados pelos ladrões que fugiram logo em seguida.

. Falta de solidariedade:

Ainda no chão, Ademir gritou várias vezes por socorro, mas diversas pessoas, também a caminho do trabalho, passaram por ele, olharam e foram embora. Felizmente, o amigo que havia combinado de se encontrar com Costa chegou ao local e o viu caído e ensanguentado, imediatamente acionando o serviço de emergência (911). Após a chegada de uma viatura da polícia e ambulância, ele foi levado ao Hospital Universitário (UMDNJ), onde ficou vários dias internado. Atualmente, o brasileiro está em casa se recuperando dos ferimentos. Maria detalhou que o marido deverá retornar ao hospital semana que vem para que os médicos verifiquem se não houve fratura em uma das órbitas oculares. Com o objetivo de imobilizar a vítima, os ladrões golpearam principalmente a cabeça.

“Ele sente muita dor na cabeça e nos olhos”, relatou Maria à equipe de reportagem do BV, no sábado (4).

Ademir é casado, vive há 14 anos nos EUA e possui uma filha de 3 anos de idade. Enquanto se recupera dos ferimentos em casa, ele está impossibilitado de trabalhar.

. Onda de violência:

Newark possui 280 mil residentes. No final de 2015 ocorreram 105 homicídios na maior cidade de New Jersey, totalizando 37 assassinatos por 100 mil moradores; em contraste com 93 homicídios em 2014, ou seja, 33 por 100 mil. Na outra margem do rio Hudson, New York City possui quase 8.5 milhões de habitantes. A cidade teve 348 homicídios em 2015, sendo 4 por 100 mil moradores. Ocorreram 333 assassinatos em 2014, ou seja, 4 por 100 mil.

Na tarde de sexta-feira (3), a equipe de reportagem do BV tentou contatar o Vereador Augusto Amador, representante do Ironbound, sem obter sucesso.

Considerada a região mais economicamente desenvolvida da cidade, o Ironbound abriga várias comunidades imigrantes, entre elas a brasileira, portuguesa, equatoriana, mexicana, entre outras. Nos últimos anos, os moradores têm sido com frequência vítimas de assaltos à mão armada à noite ou em plena luz do dia, roubos de carros e arrombamentos de residências. Muitas vezes, os crimes não são denunciados às autoridades locais, devido ao status migratório irregular das vítimas. Com a chegada do inverno e, consequentemente, os dias mais curtos, andar pelas ruas escuras do bairro tornou-se um risco para inúmeros moradores, que evitam sair de suas casas ao anoitecer.

 

Related posts

Comentários

Send this to a friend