Ladrão que roubou Joalheria Vinhas pega 18 anos de prisão

Foto9 Orlando Nieves Velez Ladrão que roubou Joalheria Vinhas pega 18 anos de prisão
As câmaras de segurança da joalheria registraram o rosto de Orlando Nieves Velez durante o assalto e quando ele fugia do local

Orlando Nieves Velez também foi condenado a 5 anos de liberdade condicional, após cumprir pena, e pagar US$ 95 mil de restituição

Na quarta-feira (11), o réu Orlando Nieves Velez, de 30 anos, foi sentenciado a 216 meses de prisão (18 anos) de detenção por ter roubado à mão armada em 2016 a joalheria Vinhas, localizada na Ferry Street, no bairro do Ironbound, em Newark, e roubado um carro. O resultado do julgamento foi anunciado pelo Promotor Público Craig Carpenito.

Orlando, também morador em Newark, assumiu a culpa perante a Juíza Distrital Claire C. Cecchi com relação à acusação de roubo na categoria Hobbs Act, roubo de automóvel e o uso de arma para cometer um crime violento. A Juíza Cecchi impôs a sentença durante a audiência final na Corte Federal de Newark.

Em 1 de dezembro de 2016, Orlando roubou a joalheria à mão armada. Durante o roubo, ele encostou o revólver na nuca de um funcionário e ameaçou atirar se os outros funcionários não entregassem a ele joias. Após sair da loja com mais de US$ 20 mil em joias, Velez parou na frente de um Nissan Altima 2006, de cor bege, apontou a arma ao motorista e ordenou que ele saísse do carro. Ele atirou para o alto antes de fugir no Altima. Posteriormente, o veículo foi encontrado abandonado na esquina da Somme Street e Raymond Boulevard, na mesma cidade.

Além dos 18 anos de detenção, a Juíza Cecchi o sentenciou a 5 anos de liberdade condicional e a pagar US$ 95 mil de restituição.

 

 

 

Related posts

Comentários

Send this to a friend