Consulado de Miami alerta para uso de ‘despachantes’

Foto21 Consulado Geral do Brasil em Miami Consulado de Miami alerta para uso de despachantes
Por política do Ministério das Relações Exteriores do Brasil, o Consulado-Geral não autoriza, recomenda ou indica o uso de serviços dessa natureza

O órgão informou que está aberto a todos brasileiros, sem necessidade de intermediários

O Consulado-Geral em Miami têm recebido frequentes reclamações de brasileiros alegando ter pago mais caro pelos serviços oferecidos ao contratar a ajuda de despachantes ou os chamados “facilitadores”.

O Consulado-Geral alerta que serviços de despachante ou facilitadores que prometem, mediante pagamento, processos rápidos de concessão de passaportes, autorização de viagens de menores, procurações, entre outros, não são corretos. Tais empresas servirão, apenas, como meras intermediárias entre o cidadão e as autoridades consulares e não possuem capacidade para agilizar serviços. Por política do Ministério das Relações Exteriores do Brasil, o Consulado-Geral não autoriza, recomenda ou indica o uso de serviços dessa natureza.

O Consulado está aberto a todos brasileiros, sem necessidade de intermediários. A maneira mais rápida de resolver pendências documentais ou de registro no Brasil é procurar diretamente o Consulado-Geral pelo e-mail: [email protected] ou pelo telefone: (305) 285-6200.

Atenção: O Consulado-Geral somente aceita pagamentos em “money orders” dos correios americanos (USPS), que devem ser adquiridas nas agências postais. Não são aceitos pagamentos em espécie (dinheiro ou cheque) ou cartão de crédito. Verifique antecipadamente no endereço eletrônico www.miami.itamaraty.gov.br a documentação necessária para cada documento a ser solicitado.

 

Related posts

Comentários

Send this to a friend