Filho de brasileiros é protagonista em série da Amazon Prime

Foto10 Harrison Coelho Filho de brasileiros é protagonista em série da Amazon Prime
Harrison Coelho, de 18 anos, é filho de brasileiros e nasceu em Nova York, mas reside na cidade de Coconut Creek (FL) (Foto: Facebook)

O nova-iorquino Harrison Coelho, de 18 anos, atua na série “Dating in the Dark”, na qual interpreta um assassino em série

Nos últimos anos, a nova geração de filhos de imigrantes brasileiros nos EUA vem conquistando mais espaço e visibilidade no mercado cinematográfico do país. Cada vez mais, criados ou nascidos nos EUA, novos artistas bilíngues são lançados, tanto no cinema quanto na televisão, especialmente nas séries em aplicativos via “streaming”.

Recentemente, um nome tem se destacado e já começa a chamar a atenção de diretores e produtores de filme. Harrison Coelho, de 18 anos, nascido em Nova York e residente em Coconut Creek (FL), é filho de imigrantes brasileiros e atua como protagonista na série “Dating in the Dark” (Namorando no escuro, em tradução livre), uma série que está disponível na Amazon Prime.

Harrison cresceu assistindo novelas brasileiras, portanto, o sonho dele sempre foi trabalhar nos canais de TV Globo ou Record. A vontade de, um dia, atuar no Brasil fez com que ele não esquecesse o idioma português falado em casa.

O ator nova-iorquino concedeu uma entrevista ao jornal Brazilian Times. Durante a conversa, o ator nova-iorquino abordou projetos, estudos, carreira, trabalho na série e a vida familiar.

. Como começou a sua carreira como ator?

. HC: Eu não lembro muito bem, mas tinha três anos de idade quando fiz meu primeiro photo shoot (sessão de fotos), participei de algumas audições, mas nada muito sério. Aos sete anos, assinei contrato com a agência World of Kids em Miami (FL) e, desde então, a minha vontade em atuar aumentou cada vez mais.

. Cite alguns trabalhos que você já fez:

. HC: Na verdade eu fiz várias audições, mas nunca consegui passar em nenhuma, mesmo estando com contrato assinado com a agência World of Kids. Meu primeiro trabalho como ator foi em uma peça de teatro na igreja. Fiz alguns desfiles para algumas lojas no Dolphin Mall e Coral Square Mall. Não gostei muito, então, assim que meu contrato venceu decidi parar com a carreira de modelo e ator. Na época, tinha 12 anos de idade. Passei a me dedicar aos esportes e aos 16 anos, minha mãe conversou comigo e então resolvi voltar a carreira artística. Daí, minha mãe me inscreveu em vários websites com “Explorers Talent” e “Backstage”. Um certo dia recebi um convite para fazer um curta-metragem em Los Angeles (CA), mas desisti porque teria que mudar para lá. Então, logo depois fui chamado para uma audição através do website Backstage, em West Palm Beach (FL). Novamente, não passei. Mas o diretor disse que eu tinha talento. Depois de um ano, o próprio diretor, David Haines (Rinky Dink Productions), me convidou para fazer o episódio “Dating In The Dark”.

. Fale sobre esta série na Amazon Prime:

. HC: Esta é a quarta temporada em que sou o ator principal. O nome do meu personagem é Sebastian, um serial killer (assassino em série) e que usa a internet para atrair as mulheres. Ele cria uma conta em aplicativos de relacionamentos e passa a conversar com as suas vítimas, saem para jantar e logo depois vão para lugares mais íntimos e logo ele as mata. Mas, no final do episódio, o jogo é invertido. Acho que é um bom ensinamento para essas pessoas que curtem aplicativos de relacionamento. Estamos com um projeto num futuro próximo com o mesmo diretor.

. Fale de sua vida após se tornar conhecido através da série:

. HC: Logo depois do lançamento do episódio, minha vida mudou um pouquinho. Agora mesmo fui convidado para participar de uma nova série no Brasil que também será exibida no Amazon Prime. Também estou em contatos com duas agências de modelos em Miami (FL). Também, depois do lançamento, assinei contrato com uma agência no Brasil. Em maio, vou ficar lá por três meses. Também recebi da Coca-Cola uma garrafa personalizada com o meu nome e o do meu Episódio.

. Como fica as demais áreas da sua vida?

. HC: Em relação aos meus estudos, ganhei uma bolsa pelo esporte (vôlei) no Emmanuel College, localizado na Geórgia. Estou cursando Justiça Criminal e jogo volleyball pela faculdade na 1ª divisão. Agora, no começo de Janeiro, joguei no Havaí contra as universidades de Harvard, Hawaii e Grand Canyon. Sei que o ano de 2020 promete.

. Além da série, tem algum trabalho que você destaca?

. HC: Bom, conheço o Enrico Lima, filho caçula do Chitãozinho, desde que éramos crianças. Eu tinha mais ou menos seis anos de idade. Um certo dia, nos estávamos conversando e ele me perguntou se gostaria de fazer uma participação no videoclipe da sua nova música “Os Tempos Mudaram”. Foi uma experiência muito legal, porque foi a minha primeira vez em contato com as câmeras, como ator. O videoclipe se passa na cidade de New York.

Related posts

Comentários

Send this to a friend