Imigração deporta “coiote” foragido

Foto8 Manuel Humberto Guilen Galdames Imigração deporta “coiote” foragido
A custódia de Manuel Humberto Guilen Galdamez foi transferida para as autoridades salvadorenhas (Foto: ICE)

Manuel Humberto Guilen Galdamez era procurado por traficar pessoas

Na quarta-feira (19), agentes do Departamento de Imigração (ICE) e do Departamento de Operações de Remoção e Cumprimento das Leis (ERO) deportaram o salvadorenho Manuel Humberto Guilen Galdamez, de 28 anos. Ele estava foragido e é procurado em seu país de origem por tráfico ilegal de pessoas.

Manuel embarcou num voo no Alexandria International Airport, Louisiana, e os agentes do ERO transferiu a custódia dele para as autoridades salvadorenhas no Aeroporto Internacional Monseñor Óscar Arnulfo Romero (MSLP), na capital. Em 20 de dezembro de 2017, a Patrulha da Fronteira (USBP) prendeu Galdamez nas proximidades de Brownsville (TX) por ele ter ignorado uma ordem de deportação e permanecer nos EUA. No dia seguinte, o USBP o transferiu para o ERO em San Antônio, onde ele permaneceu no Rio Grande Detention Center em Laredo (TX).

Em 26 de dezembro de 2017, o USBP informou ao ERO de San Antônio que Manuel possuía uma ordem de prisão por traficar pessoas emitida pelas autoridades salvadorenhas. Ele foi transferido em janeiro desse ano para o ERO da Filadélfia. Nos meses seguintes, o caso dele foi processado pelo sistema de imigração. Em 24 de agosto, um juiz de imigração determinou que Galdamez fosse deportado para El Salvador e ele abriu mão do direito de apelação.

 

Related posts

Comentários

Send this to a friend