Imigrantes nos EUA se preparam para eleições presidenciais no Brasil

Foto21 Titulo eleitoral  Imigrantes nos EUA se preparam para eleições presidenciais no BrasilOs cidadãos brasileiros com títulos de eleitor registrados no exterior votam somente para presidente da República

Neste ano, os nossos votos irão escolher deputados federais, estaduais, senadores, cargos do poder Legislativo, além de governadores e um presidente, do poder Executivo. Os cidadãos brasileiros com títulos de eleitor registrados no exterior votam somente para presidente da República. Mas você sabe o que cada um desses cargos faz e qual as responsabilidades de cada poder? Entenda melhor as diferenças:

. Deputado federal:

Os deputados federais, que trabalham no Congresso Nacional, em Brasília, representam diretamente a população brasileira. Eles discutem a aprovação de leis e fiscalizam o uso dos recursos, por isso são muito importantes para o futuro do País. Cada unidade da Federação (estados e Distrito Federal) tem no mínimo oito e no máximo 70 parlamentares, número que é definido de acordo com o número de habitantes. No total, a Câmara é formada por 513 deputados. O mandato dura quatro anos, e eles podem ser reeleitos infinitas vezes.

. Deputado estadual ou distrital:

Os deputados estaduais e distritais, que trabalham nas Assembleias Legislativas de cada estado, são responsáveis por leis estaduais. Os estados que possuem até 12 deputados federais têm o triplo de deputados estaduais.

Já naqueles estados onde há mais de 12 deputados federais, a lei define que, “atingido o número de trinta e seis, será acrescido de tantos quantos forem os Deputados Federais acima de doze”. Ou seja, você pode encontrar o número total de deputados estaduais somando 24 ao número total de deputados federais. As regras sobre mandato e reeleição são as mesmas dos federais.

. Senador:

As principais tarefas dos senadores, que também ficam no Congresso Nacional, são representar os estados, fazer leis e também fiscalizar o Executivo. Somente eles podem processar e julgar, quando há crimes de responsabilidade, o presidente e o vice-presidente, os ministros, o procurador-geral da República e o advogado-geral da União. Cada estado e o Distrito Federal podem escolher três senadores, somando 81. Os mandatos duram oito anos, não há limite para as reeleições. Por causa do mandato maior, as renovações não são completas a cada eleição: neste ano, escolheremos 54 senadores. Daqui a quatro anos, apenas 27.

. Governador:

Cada estado vai eleger um governador em 2018. Eles são os representantes do poder Executivo nas unidades da Federação, e cada uma delas possui uma constituição que define os deveres deles. Sob o comando do governador estão as Polícias Militar e Civil e o Corpo de Bombeiros, além de secretários que o auxiliam. O mandato de governador dura quatro anos, e eles só podem se reeleger duas vezes consecutivas, mas podem concorrer novamente após quatro anos.

. Presidente:

O presidente é o chefe máximo do Executivo no País e trabalha no Palácio do Planalto, em Brasília. Ele é responsável pela integridade e independência do Brasil, pelas relações internacionais e pelo poder militar. Ele administra os interesses do País e possui um plano de governo com projetos importantes, além de apresentar as regras do orçamento nacional, trabalhando junto ao poder Legislativo, assinando medidas provisórias e propondo emendas à Constituição e projetos de leis. Assim como o governador, o mandato de um presidente dura 4 anos, com direito a uma reeleição seguida.

 

 

Related posts

Comentários

Send this to a friend