USCIS utiliza “Google Translate” para verificar postagens de refugiados

Foto16 USCIS 300x300 USCIS utiliza “Google Translate” para verificar postagens de refugiados
No ano fiscal de 2018, o USCIS concluiu a análise de 11.740 postagens nas redes sociais, de acordo com um relatório oficial

Um manual interno produzido pelo USCIS aconselha o uso de serviços de tradução on-line gratuitos

O Departamento de Serviços de Cidadania e Imigração (USCIS) foi criticado por usar a ferramenta de tradução “Google Translate” para verificar as postagens nas redes sociais dos refugiados. Um manual interno produzido pelo USCIS, obtido pelo International Refugee Assistance Project (IRAP) e compartilhado com o ProPublica, aconselha o uso de serviços de tradução on-line gratuitos fornecidos pelo Google, Yahoo, Bing “e outros mecanismos de pesquisa”. O documento, que é muito redigido, também fornece uma descrição passo a passo de como usar o “Google Translate”.

Especialistas em idiomas disseram ao ProPublica que serviços gratuitos, como o “Google Translate”, não são adequados para analisar as postagens nas mídias sociais, pois podem conter gírias ou expressões idiomáticas traduzidas ao pé da letra.

“Não usaríamos o Google Tradutor para fazer a lição de casa, mas estamos usando-o para manter as famílias de refugiados separadas”, disse Betsy Fisher, do IRAP, sobre os documentos que revelam que o USCIS utiliza o “Google Translate” para decidir se os refugiados podem se reunir com suas famílias.

No ano fiscal de 2018, o USCIS concluiu a análise de 11.740 postagens nas redes sociais, de acordo com um relatório oficial.

Em um relatório de 2017 sobre o processamento de casos de refugiados e o monitoramento, o Departamento de Segurança Interna (DHS) disse que as informações recolhidas nas mídias sociais são apenas uma parte do trabalho do USCIS com relação aos refugiados.

“As informações coletadas das mídias sociais, por si só, não serão base para negar o reassentamento de refugiados e a qualificação para emprego. O USCIS também desenvolveu procedimentos e treinamentos focados no entendimento conforme as limitações de qualidade de dados associadas às mídias sociais”, afirmou o relatório.

“O Departamento de Serviços de Cidadania e Imigração compreende as limitações das ferramentas de tradução on-line”, disse o porta-voz do USCIS, Dan Hetlage, ao canal Fox News, através de e-mail. “O USCIS utilizam tradutores humanos conforme necessário”.

 

Related posts

Comentários

Send this to a friend